Wednesday, March 01, 2006

Perante os amigos

O escritor H. Jackson Brown Jr., autor do livro "Pequeno manual de instruções para a vida", relaciona nessa obra sugestões de como dar e receber amizade. Seus conselhos são no seguinte sentido:
Olhe as pessoas nos olhos. Diga sempre "muito obrigado." Diga sempre "por favor". Seja o primeiro a dizer "olá". Devolva tudo o que pegar emprestado. Sorria muito. Não custa nada e não tem preço. Lembre-se do aniversário dos outros.
Quando alguém contar alguma coisa importante que lhe aconteceu, não tente superá-lo com uma de suas histórias. Os outros também têm o direito de aparecer. Jamais prive uma pessoa de esperança; pode ser que ela só tenha isso.
Elogie em público. Critique em particular. Não aborreça as pessoas com os seus problemas. Procure reavivar antigas amizades.
Nunca desperdice uma oportunidade de dizer a uma pessoa que você a ama. Nunca subestime o poder de uma palavra ou de uma ação gentil. Nunca ria dos sonhos alheios.
Em caso de discordância, exponha seus pontos de vista sem pretender ridicularizar os entendimentos dos outros.
Quando alguém lhe fizer uma pergunta a qual você não gostaria de responder, sorria e pergunte: "por que quer saber?"
Não admire as pessoas pela sua riqueza, mas pelos meios criativos e generosos com que dispõem dela.
Não traia nunca uma confidência. Não deixe que uma pequena desavença prejudique uma grande amizade. Dê às pessoas mais do que elas esperam, e faça-o alegremente. Lembre-se de que o tempo que leva para que duas pessoas se tornem amigas nunca é tempo desperdiçado.
Saiba compreender as imperfeições de seus amigos com a mesma presteza com que sabe compreender as suas próprias. Seja aberto e acessível. A próxima pessoa que você conhecer pode se tornar o seu melhor amigo.
Seja o primeiro a perdoar. Quando disser "sinto muito", olhe a pessoa nos olhos. Quando um amigo ou uma pessoa amada ficar doente, lembre-se de que esperança e pensamento positivo são remédios fortíssimos.
Passe a vida levantando o ânimo das pessoas e não as colocando para baixo. Peça desculpas imediatamente quando perder a paciência. Estimule qualquer pessoa que esteja tentando melhorar, mental, física ou espiritualmente.
Lembre-se de que o princípio mais profundamente enraizado na natureza humana é a ânsia por ser apreciado.
Os amigos verdadeiros são alegrias em nossas vidas. São raios de luz, ajudando-nos a descobrir erros que precisamos corrigir, ou talentos que ainda precisamos desenvolver. São dádivas que Deus, na Sua extrema misericórdia, oferece-nos para amenizar as provas da vida e a aridez dos caminhos. São flores raras que perfumam o jardim de nossas existências, mas que necessitam de cuidados e de dedicação constantes, a fim de que não feneçam à própria sorte, desvalorizadas e esquecidas.
Antes de buscar amizade nos outros, compete-nos, primeiro, ser amigo daqueles que nos cercam.
(Colaboração: Lâmia Antunes)

1 Comments:

Blogger wesley said...

tava precisando disso como reflexão sobre meus amigos e de pessoas naqual fazem parte do meu dia-a-dia.. isso é uma ótima forma de ensino para com o amor entre as pessoas!

6:27 PM  

Post a Comment

<< Home